Dicas simples para a higiene íntima masculina

A higiene íntima masculina é importante para a saúde. Neste artigo falaremos sobre as regras dos cuidados íntimos: com que frequência e o que lavar o pénis, que meios existem para este fim.

Regras de higiene íntima masculina

Duche regular

Para manter a higiene, é necessário tomar banho de manhã e à noite antes de ir para a cama, e após cada visita ao banho, piscina, sauna. É necessário lavar também após o banho em águas abertas. Um ambiente húmido é o lar de bactérias que podem penetrar as membranas mucosas da uretra e do ânus. Quanto mais cedo forem lavados, melhor.

Como lavar correctamente o pénis

Para uma higiene de qualidade da zona íntima masculina, não basta simplesmente enxaguar o pénis com um duche. Sob o prepúcio e sobre a glande, uma gordura oleosa branca — smegma — forma-se e acumula-se constantemente. Recolhe rapidamente bactérias e odores desagradáveis. Para remover o prepúcio, é necessário remover completamente o prepúcio, lavar a sua parte interior, a cabeça do pénis, o sulco coronal. Se a glande não se abrir, é necessário consultar um médico para ser examinado para a fimose. Não puxar o prepúcio com força, pois isto causará fissuras e cicatrizes. É desejável utilizar produtos especiais para a lavagem, porque a smegma água corrente é mal lavada. Toda a manipulação é feita com as mãos limpas.

Formação de Smegma

A água não deve estar quente, caso contrário é possível perturbar o funcionamento das glândulas cutâneas. É essencial lavar os testículos, a área abaixo deles, as pregas inguinais e a área perianal — a pele desde os testículos até ao ânus. O detergente de opção ideal é um sabonete para bebé — esta é a opinião da maioria dos urologistas. O gel de duche normal pode beliscar e secar a membrana mucosa da glande, provocar o descasque das pregas inguinais.

Como cuidar da sua área íntima

Regras de higiene quando se vai à casa de banho:

  • Lavar as mãos antes e depois de tocar na zona íntima.
  • Lavar o ânus após a defecação na direcção afastada dos testículos. Caso contrário, a microflora intestinal pode entrar na uretra, o que provoca frequentemente uretrite crónica e prostatite.
  • Depois de urinar, lavar a glande do pénis com água ou manchá-la com um pano húmido. Isto ajuda a manter os órgãos genitais frescos e a evitar uma mancha de humidade na roupa interior. Para manchar a cabeça com papel higiénico ou um guardanapo normal não deve — as partículas vão colar, ficar debaixo do prepúcio e podem provocar inflamação. Limpar com uma toalha é também desnecessário, uma vez que há muitos germes nela.
  • Algumas pessoas pensam que enxaguar o pénis na pia ou limpar com um lenço de papel após cada micção conduzirá a tordo. Não é este o caso. A candidíase ocorre apenas num contexto de imunidade reduzida, perturbação da microflora devido à toma de antibióticos ou ao enxaguamento regular com clorexidina. Mas a urina, juntamente com o smegma, é um bom local de reprodução de bactérias — daí o cheiro desagradável.
  • Se, durante uma visita à casa de banho, gotas de sangue, pus ou muco forem excretadas da uretra, erupções cutâneas, vermelhidão e inchaço da cabeça forem perceptíveis, deve consultar um urologista. Ao lavar os testículos, é útil apalpar suavemente cada um deles para um aumento do tamanho, inchaço e dor. Estes sintomas são também uma razão para consultar um médico.

Higiene íntima antes e depois do sexo

Lavar o pénis, incluindo a glande e a dobra sob o prepúcio, antes e depois do sexo. Primeiro, um cheiro desagradável ou grumos de smegma irá repelir um parceiro, e segundo, as bactérias quando entram nas membranas mucosas da cavidade oral ou vagina podem provocar inflamação e conflito da microflora. Depois do sexo, deve também enxaguar os seus genitais, urinando primeiro para expulsar as bactérias da sua uretra. Após sexo espontâneo com um parceiro casual, deve enxaguar a uretra e toda a área genital com clorexidina.

Se a masturbação estiver envolvida, as suas mãos devem estar limpas, assim como o seu pénis e a sua glande. É fácil para as bactérias entrarem na uretra enquanto deslizam o prepúcio e os dedos sobre a glande. É aconselhável a utilização de lubrificante com efeito antibacteriano.

Cabelo na zona íntima

O duche é suficiente para manter a área íntima limpa. A depilação é feita como desejado, mas é mais fácil manter a higiene sem pêlos.

Remoção de pêlos do púbis, escroto e área perianal: O procedimento é doloroso, o efeito dura de 1-2 semanas. Se repetirmos o procedimento todos os meses, o cabelo irá gradualmente afinar e tornar-se menos peludo.

Há também fotodepilação, mas é cara e longa. A barba é perigosa, e os agentes patogénicos podem penetrar facilmente através de microcortes. O efeito dura 2-4 dias, e depois o restolho começa a crescer de novo, há comichão e outro problema — recrescimento do cabelo com a formação de espinhas vermelhas. Muitas pessoas sentiram irritação imediata por raparem o períneo, o que se agrava com o suor e o movimento pesado.

Escolha de roupa interior

Troncos e tanga apertados afectam negativamente o sistema reprodutivo e a higiene genital. Os testículos são apertados para cima, o pénis é pressionado para baixo — não há ventilação. O aperto da roupa interior só é apropriado após uma cirurgia de varicocele. A melhor opção para a higiene — boxers de algodão ou «pajamniki».

As calças devem ser mudadas todos os dias. Normalmente fá-lo de manhã, após o banho. No máximo, uma vez de dois em dois dias.

Conclusão

Lembre-se:

  • A observação da higiene íntima ajudará um homem a manter a saúde do seu sistema geniturinário e dará confiança durante as relações íntimas.
  • Para a lavagem do pénis, é aconselhável escolher produtos especializados com um pH neutro, sem conservantes, com ingredientes naturais.

Оставьте комментарий

Ваш адрес email не будет опубликован. Обязательные поля помечены *